quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Veja também neste artigo: Estratégias para o aumento do fluxo de dinheiro em pequenas cidades.

A história que vou contar hoje a vocês é incrível!

Lembra do ano de 2013? Você dava e recebia presentes, saia para vários restaurantes e eventos sociais, comprava roupas e calçados nas lojas e não queria qualquer roupa não!

Como aquele dinheiro todo sumiu?

Bem, tenho explicações a te dar sobre como seu dinheiro encurtou.

Vou falar do meu salário, cerca de R$ 1.000. Era isso que ele valia em 2013. Agora vou fazer uma demonstração hipotética de como eu o gastava (o salário também é hipotético).

300 aluguel, 100 luz, 200 comida, 300 lazer, 100 vestuário.

Mas, de repente, em 2015, eu passei a ganhar R$ 788,00. Meu salário encolheu!

Como assim Adriano?

A inflação desse período foi de cerca 22%.

Aí esses 220 reais sumiram!

Reflexo no mercado

Bem, agora que tenho apenas 788 reais para gastar, vou refazer minhas contas.

300 aluguel, 100 luz, 180 comida, 140 lazer, 68 vestuário.

Cortei com deu, diminui 20 da comida, 160 do lazer e 32 do vestuário.

O consumo diminuiu!

Percebi também que outras pessoas deixaram de ir as lojas comprar. Os bares já não estão mais lotados e eu até tava pensando em revender produtos chineses, mas não dá mais pra comprar.

Acho que vou voltar à casa de meus pais e parar de pagar aluguel.

Moral da História.

Com a desvalorização da nossa moeda, nosso poder de compra diminuiu, deixamos de consumir vários produtos e serviços. As lojas deixaram de vender, serviços deixaram de ser prestados. Isso provocou um efeito cascata, pois a mão-de-obra teve que ser cortada para diminuir custos.

A inflação vai continuar aumentando?

A resposta é não. Ela vai diminuir, pois os preços somem conforme a lei da oferta e demanda, se ninguém está comprando, os preços caem. A ideia é poupar e diminuir o consumo.

É hora de investir?

Se for um investimento em que só você trabalhe, onde você não dependa dele, sim. Mas eu pensaria duas vez em correr riscos no momento.

Dicas para os Assalariados

Não é hora de gastar  e sim de poupar. Use a estratégia de vendas para adicionar renda ao orçamento familiar. Por exemplo: você pode vender cervejas ou refrigerantes enquanto passeia com a família em um parque público. Além de levar as crianças para o lazer, em vez de só gastar, você aumenta sua renda, ou pelo menos não gasta nada.

Aí você me questionaria: vou vender e vou ganhar apenas R$ 10 de lucro, é muito pouco. Saiba que se você ganhar R$ 10, você deixa de gastar R$ 20, pois uma compra que você faria com esses mesmos R$ 10, subtrairia do seu dinheiro e não adicionava-se. Pense nisso.

Qual a estratégia para trazer maior circulação de moeda para a cidade?

Bem, existem várias estratégias, mas vou focar nas importações e exportações.


A ideia é que os cidadãos consumam produtos fabricados no mercado local e que exportem seus produtos para outras cidades, assim, a entrada de dinheiro será maior que a saída.

Outra estratégia é o turismo. Tem gente que se pergunta: por que o prefeito gastou R$ 100 mil neste evento em plena época de crise?

A resposta é muito simples. O custo foi R$ 100 mil, mas a movimentação de dinheiro que a economia local sofreu foi de R$ 1 milhão, pois as pessoas vieram dos mais diferentes lugares para apreciar o evento e gastar seu dinheiro na cidade, ou seja, turismo é uma excelência estratégia econômica para a cidade.

A ação do poder público tem que ser estratégica, por exemplo, por que investir na reforma da avenida comercial de Nova Esperança do Piriá-PA (foto)? Veja os problemas: não existem calçadas, nem drenagem, asfalto precário ou local para estacionar carros e motos.

Investir no centro comercial é uma estratégia crucial para a entrada de capitais na cidade. Neste caso, recomendo um estudo prévio para implementar a infraestrutura, por exemplo, proibir a circulação de caminhões de carga na rua do comércio, desviando o fluxo para outra avenida; implementar estacionamento em apenas um lado da Rua; e tornar a via de mão única.

"Não precisa estabelecer grandes ações para melhorar a cidade, basta observar o mercado".

Outra estratégia seria o incentivo a práticas de vendas on-line a partir da cidade. Cidades pequenas facilitam a logística, pois o serviço de Correios é próximo e as distâncias são menores.

Hoje, podemos ser onipresentes se tivermos internet. Capitamos clientes em qualquer lugar do mundo. Agora, como uma cidade pode viver sem internet de qualidade?

Além das operadoras de telefonia, que estão se devorando em busca de mercados, existem acordos estatais para a implementação de internet de alta velocidade como o Navega Pará do Governo do Estado.

Internet é a infraestrutura necessária para o desenvolvimento de vários negócios, desde micro a negócios bilionários.

Bem, a crise é o momento em que o dinheiro muda de mão, agora seria bom se ele mudasse para as nossas mãos e para para as mãos dos outros.

Reinventem-se cidades.

Gostou desta notícia? Acompanhe as atualizações diárias sobre concursos, empregos e estágios baixando aplicativo do blog. Baixar Agora.

Foto: Reprodução Rádio Serra Azul FM. 
Este artigo pode sofrer edições para correções e adição de conteúdo depois das discussões.

0 comentários :

Postar um comentário

Promoção de Notebooks na Americanas.com

*Atenção: Preço final está no site, pois este itens são promocionais.

de R$ 1.329,99 por R$ 1.149,99
7x de R$ 164,28 sem juros
cartão americanas
cartão americanas.com 1x de R$ 1.034,99

Smartphones

R$ 1.499,00
10x de R$ 149,90 sem juros
cartão americanas
cartão americanas.com 1x de R$ 1.319,12